segunda-feira, 15 de outubro de 2012

O Convívio nos Espaços Públicos

Vou usar este espaço pra falar principalmente de atividades ao ar livre, entre elas, corrida de rua, ciclismo e trilhas. 
Mas fui levado, pelos eventos da semana, a falar sobre como o convívio e o uso dos espaços públicos afetam nosso dia a dia e o que fazer para melhorar essa experiência. Acho que ainda fico dentro do tema proposto, afinal de contas quando falamos "ao ar livre" quase sempre estamos falando do espaço público, não é? :)

Na minha rotina semanal, eu realizo várias atividades à pé, uso o transporte público diariamente para trabalhar, faço uns quatro treinos de corrida em parques, utilizo o carro umas duas vezes, e pedalo pelo menos uma vez.

Por conta dessa rotina, me identifico (sou pedestre, ciclista, motorista e usuário de transporte público) e convivo com as outras modalidades de transporte diariamente. Essa experiência me mostrou o comportamento das pessoas sob vários pontos de vista.

Na minha visão, em todos os locais e em qualquer situação, as pessoas se comportam mal. No metrô encontramos o cara que finge estar dormindo e assim não precisa levantar para o idoso, também o idoso que abre caminho empurrando todos com seu guarda-chuva até o assento preferencial, o cara que insiste em carregar aquela mochila gigante nas costas esbarrando em todo mundo. Nas calçadas, muitos pedestres arriscam a vida diariamente desrespeitando a sinalização, atravessando as ruas fora das faixas e sem olhar para os lados (muitos idosos fazem isso, eles não olham para os lados), os ciclistas invadem as calçadas e regularmente assustam ou esbarram nas pessoas, principalmente nas esquinas, quando a bicicleta faz a curva rapidamente sem nenhuma visibilidade e bang! machuca alguém! Nas ruas, os ônibus pressionam os carros que por sua vez pressionam as motos e todos arremessam os ciclistas para as calçadas!

Felizmente, percebo que a menor parte das pessoas tem esses comportamentos absurdos, talvez uns dez por cento. Mas isso basta para que sempre haja alguém te fechando, empurrando no metrô, buzinando, atravessando no lugar errado e na hora errada, afinal de contas, em uma cidade como São Paulo, estamos sempre rodeados por centenas de pessoas. Sempre haverá um mal educado ao nosso lado.

Talvez o problema não seja a falta de educação, mas a falta de consciência que o espaço público deve ser compartilhado por todos. Os tais mal educados simplesmente se comportam como se os outros estivessem ali só para atrapalhar. E então a coisa começa a ficar perigosa. Porque alguns desses loucos também gostam de "educar" aqueles que eles acreditam estar ocupando o espaço errado! Dirigindo com violência, aplicando as "finas" educativas, cutucando os outros passageiros com o guarda-chuva, derrubando o ciclista no chão com uma fechada. Eles acreditam que, com violência, vão demarcar o seu território e vão tomar exclusivamente pra si o espaço público.

Apesar da falta de bom senso existir em todos os cenários, é difícil ouvir falar que uma senhora matou um passageiro no metrô com seu guarda-chuva. É mais comum um motorista matar um pedestre, ciclista ou motociclista, afinal de contas um carro é muito mais pesado e rápido que um guarda-chuva, ou que uma bicicleta.

Na semana passada, a morte do ciclista que ocorreu na esquina da Av. Dr.Gastão Vidigal X Av. Hassib Mofarrej, chocou a todos.

E o que podemos fazer?? Simplesmente nos indignar? Devemos demostrar nossa compaixão pelos feridos, cobrar a responsabilidade do estado, e mostrar os absurdos que vemos usando as redes sociais? Sim!! Podemos e devemos fazer isso, afinal de contas só podemos mudar as coisas com a exposição pública de nossas idéias.
Mas eu acredito que a ação mais efetiva que podemos realizar, para colaborar com a mudança de comportamento dos outros é, DAR O EXEMPLO! 

É a REGRA DE OURO do convívio! DÊ O EXEMPLO!!

Seja um motorista cuidadoso e respeite TODAS as leis de trânsito SEMPRE!! Ao utilizar o transporte público seja gentil, se esbarrar em alguém sorria e peça desculpas. Respeite a sinalização! Seja um pedestre consciente, use a faixa e ESPERE a sua vez de atravessar! TODAS as regras de trânsito valem para os ciclistas! Respeite os semáforos, faça somente as conversões permitidas no trânsito, sinalize suas manobras.
E SEMPRE SEJA GENTIL E SORRIA!!!

Faça dos hábitos de bom convívio parte de sua vida, seja um exemplo para sua família, para seus amigos, para os que estão ao seu redor. E não tente dar lições de moral!! Eu vou repetir a regra de ouro! DÊ O EXEMPLO!!

Eu vou te contar inclusive o segredo da regra de ouro! É o segredo que faz a diferença! É o segredo que faz você ser levado à sério. É o que dá credibilidade para as suas ações e te transforma em alguém cujo exemplo vale a pena seguir.

O segredo é: NÃO EXISTEM EXCEÇÕES!

Você SEMPRE deve respeitar as regras em que você acredita!

Ou seja, você deve esperar nos semáforos SEMPRE, deve respeitar os pedestres SEMPRE, deve ser gentil SEMPRE, deve atravessar na faixa SEMPRE!

E pra terminar minha primeira postagem de um jeito animado! Seguem algumas fotos que tirei na ciclofaixa e parques por onde passei no dia 12/10/2012 :) Adoro a ciclofaixa!!

Parque das bicicletas

Trajeto até o Ibirapuera

Parque do Ibirapuera


Trajeto até o Parque do Povo

 

Parque do Povo

Trajeto até o Parque Vila Lobos


Parque Vila Lobos